segunda-feira, fevereiro 26, 2007

LeveUp! - o começo do fim?

É claro que a LevelUp! não vai acabar tão cedo. Mas o que ela fez agora desagradou bastante a comunidade. Acertou em cheio todo o seu público. Teve uma boa idéia, é verdade, mas executada de uma maneira totalmente errada - do ponto de vista do público consumidor, que é o que interessa no final das contas.

A LUG comercializará itens especiais, MVPs, skills e o que mais der na telha para o Ragnarök. Detalhe: continuará a cobrar a mensalidade para o jogo. Ou seja, teremos duas classes dentro do Rag - os que apenas pagam a mensalidade, e os que pagam duplamente para vencer as maiores disputas, as batalhas entre clãs, etc.

Com o tempo quem paga apenas mensalidade deixará de jogar. Há uma imensa revolta na comunidade. Comentei com meu amigo z32o e horas depois vieram comentar comigo... Estão nervosos, pois sabem que a venda de itens desequilibrará o jogo.

A iniciativa é boa, mas poderia ser feita de outra maneira. Vender itens exclusivos através de brindes, cartões ou até mesmo em promoções, com ou sem parceiros. Estes itens dariam, no máximo, um visual diferenciado para os personagens do jogador, dentro do Rag. É tão óbvio que é feito em qualquer grande (e bom) MMORPG que se preze. Até World of Warcraft teve isso, e seus itens especiais sempre foram muito, MUITO desejados. Não criou uma nova classe de jogadores, não desbalanceou o jogo, não desagradou o público consumidor.

LUG, não se comercializa um MMORPG de duas maneiras: com mensalidade e com vendas de itens. Ou uma coisa, ou outra. É lógico que RPGs onde há apenas venda de itens pode criar as tais duas classes de jogadores (com/sem dinheiro ou vontade para gastar). Mas estamos tratando com consumidores que jogariam por pouco tempo - os que nada gastam - e com aqueles que gastam mais do que suas horas, gastam também salários ou mesadas.

Em um jogo gratuito aqueles que não compram itens têm a chance de se igualar aos que compram, apenas demorará um pouco mais. No Ragnarök é diferente, você já está pagando pra jogar, por que tem que pagar AINDA MAIS pra poder ser MAIS poderoso? Não faz sentido. E por isso a revolta é grande. Já se paga pra jogar, vai ter que pagar pra não ficar pra trás?

O mundo capitalista pode ser cruel, mas a LUG, apesar de ser a maior e a mais forte, não é a única empresa de jogos no Brasil. Há cada vez mais MMORPG's à escolha. A própria LUG tem mais de um, mas voltados a públicos diferentes. Não creio que os jogadores de Ragnarök migrarão para RF Online, a grande aposta da LevelUp!. Provavelmente jogarão qualquer outro RPG no mercado, como WYD, Priston e LastWar. Os dois primeiros, gratuitos com venda de itens. O último com uma mensalidade baixíssima.

Minha opinião não vale para nada, afinal eu não trabalho na LUG e não tenho acesso às curvas de dinheiro e jogadores deles... Mas, ainda assim, vendo a decisão como jogador e, depois, como administrador, não consigo entender essa aposta da empresa.

4 comentários:

z32o disse...

Belo post!

Arraso disse...

Valeu Dan xD

Renan disse...

LUG tá louca...

Sendo assim até eu deixaria de jogar. Já não basta a mensalidade a ter que pagar... >.<

Arraso disse...

Ainda bem que jogo Wow :)